sexta-feira, 30 de março de 2012

Minha vida de mãe!

Quando minha licença maternidade acabou há exatamente 05 anos e 05 meses atrás eu só pude ficar com a Nathalia nas férias e em feriados, vivia na ansiedade por algumas horinhas a mais com minha pequena e nunca imaginava quando poderia realizar o sonho de ser mãe em tempo integral, graças a Deus esse tempo chegou e hoje vim contar pra vcs como está sendo meus dias em casa.
Não vou mentir e dizer que a vida de dona de casa e amélia é tarefa fácil, pelo contrário, é mais cansativo do que trabalhar fora, o serviço em casa não tem fim, sempre tento acordar antes da Nathalia para adiantar o serviço e depois poder ficar um tempo com ela de manhã, as vezes tem lição de casa e ela faz na parte da manhã, então gosto de ficar junto.
Mas estou simplesmente AMANDO tudo isso, amo estar com ela no café da manhã, amo poder estar pertinho na hora da lição de casa, amo lavar o seu uniforme na mão, amo ver a carinha de alegria dela ao me ver no portão quando vou buscá-la, amo emperequetá-la para ir pra escola, saber que todos os dias ela vai toda lindinha e arrumada, enfim amo, amo e amo ser mãe em tempo integral.
Esses dias o Rogério me mostrou no celular uma foto do ano passado, a Nathalia toda encapuzada de roupa vendo uma geada das bravas na grama, affff, que dó só de olhar, mas isso não nos pertence mais porque no próximo inverno a minha princesa estará quentinha em casa de pantufas e dormindo até mais tarde, isso simplesmente é um alívio para mim, depois de todos esses anos enfrentando os piores invernos acordando de manhã para ir pra creche, enfim ela poderá aproveitar os dias frios tomando nescau quentinho e assistindo desenho embaixo das cobertas, rs.
Isso não nos pertence mais

Se eu tivesse trabalhando não sei se daria conta de tudo, chegar às 18:30, fazer lição com a Nathalia, ajeitar a casa, fazer janta pra deixar o almoço pra ela no dia seguinte, lavar o uniforme, tomar banho, brincar com ela e dar atenção pro marido, seria muuuuuito corrido e não sei se daria conta.
Enfim, não estou nenhum um pouco arrependida de ter deixado 13 anos de empresa para ser dona de casa e mãe, mais mãe do que dona de casa, rs, ver de perto o crescimento e o desenvolvimento da minha princesa tem sido pra mim a melhor coisa dessa vida e estou 100% feliz.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...